18 de janeiro de 2010

Eyes that know me

Sabe o que é querer só uma pessoa aqui próxima de teus cabelos, de tua pele, de tua roupa e cheiro?
Ela possui a expectativa de que quanto mais as pessoas egoístas preferem seu canto de isolamento, sua tortura vital, sua fé arruínada e seu pouquíssimo caso com quem lhe aprecia, mais a sua vida se confronta com isso.
É estranho!
Seria delicado de minha parte perturbar seus olhos agora para algo tão pessoal e tão íntimo, porém faço-me através do correr de teus olhos.
Faço-me através da doçura que é ouvir aquela voz que me faz adormecer e não querer mais acordar. É de infinito afago aqueles lábios a desprender o selo da timidez, do cansado, da tristeza e deixar vigorar o sorriso mais doce que há, o de uma criança. O de uma garota. E pra sempre, o de uma mulher. Os mesmos olhos que correm por essas linhas satisfazem meu ser.
Você completa o que há de mim em você.
Sim, só você.


Eu o amo.
Formidável seria se tudo isso estivesse acontecendo agora, nesse minuto que corre, nessa voz que soa, nesse tocar de telefone perdido...

5 comentários:

DeNiSe disse...

nossa... apaixonada vc consegue ficar ainda mais inspirada! auhahuhau
perfect!seja feliz!

Eu H Psicólogo disse...

Fiquei sem palavras!

Simplesmente Maravilhoso!!!

É muito bom quando conseguimos alcançar aquilo que sentimos e expressá-lo com sinceridade.

Parabéns!

Frederico Guimarães disse...

o bom de estra apaixonado é que seu coração se abre a tudo, o ruim e fecha-lo depois !
belo post ! inspirada mesmo ! e inspirador também !
beijo !

NEZIO JALOTO - Miojo disse...

Há muito pouco tempo atrás eu ainda esperava algo bem parecido com a mensagem deste post, contudo, não venho perdendo as esperanças de que aconteça na realidade. Excelente texto, parabéns!

Débora Andrade disse...

Você é maravilhosa com as palavras, sabe usá-las sempre, em todas as ocasiões, para discutir sobre os mais diferentes temas... É realmente um dom, e o amor está o aperfeiçoando a cada dia. Muito amor para nós amiga!

Eu te amo, :*

Postar um comentário

Sente-se, relaxe.